Rodovia Presidente Dutra, Km 77, Roseira - SP
(12) 3646-2071 | (12) 3646-2441

ONG Pátio das Artes

Buscando despertar os jovens e o público em geral para as artes, literatura, cinema, teatro, música, folclore e as relações homem-natureza.

Quem somos?

O Pátio das Artes é uma entidade civil, sem fins lucrativos, que tem duração por tempo indeterminado, com sede no Centro de Estudos Ambientais do Vale do Paraíba – CEAVAP, município de Roseira-SP e foro judiciário Comarca de Aparecida, Estado de São Paulo.

Nossos Objetivos

Promover atividades culturais e socio-educativas, preservar o matrimônio cultural e a memória regional são apenas alguns dos objetivos da ONG Pátio das Artes
ong-parceiros

Organizações parceiras

  • ONG Mutirão Agroflorestal
  • ONG Akarui
  • Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios – APTA – Pólo Regional do Vale do Paraíba
  • Coordenadoria de Assistência Técnica Integral – CATI EDR Pindamonhangaba, EDR Guaratinguetá e Casa de Agricultura de Roseira
  • Prefeitura Municipal de Roseira
  • FUNBIO – Fundo Brasileiro para a Biodiversidade / Apoio TFCA
  • FEHIDRO – Fundo Estadual de Recursos Hídricos

Experiência da Instituição

Ciente do quadro de degradação que vem aumentando no Vale do Paraíba e região, a ONG Pátio das Artes tem como meta e missão, ampliar as ações voltadas para a Restauração da Paisagem regional, por meio de projetos de âmbito socioambiental.

Desde 1999, a ONG Pátio das Artes realiza a Gestão  da  Reserva  da  Biosfera  da  Mata  Atlântica  –  RBMA  Posto  Avançado  de Roseira e da Fazenda Boa Vista. Recebe grupos organizados para aulas ao ar livre, sobre Educação Ambiental e História. A partir de 2008, iniciou a implantação de projetos de Restauração Florestal e Transformação da Paisagem Regional, Compostagem, Produção de Alimentos com princípios Agroecológicos, Participação em Iniciativas Socioambientais e Realização e Apoio a Cursos e Palestras.

Eventos

Projetos

Ações

Conheça as ações realizadas pela
ONG Pátio das Artes

Pesquisas

Conheça pesquisas realizadas pela
ONG Pátio das Artes